quinta-feira, 19 de maio de 2011

Contradição que nos dilacera… (RR)

Oração da Manhã - 19 de Maio (RR)


Mais um dia de vida cheio de rotinas, programações, horários, como ontem e antes de ontem e nos outros dias. É assim a vida do dia a dia. Mas cada dia é também uma surpresa; um nascer de novo; um recomeçar sem saber onde cada passo nos conduzirá.
O que vai acontecer pelo caminho? quem vamos cruzar? que palavras vamos ouvir? como vamos reagir? o que nos vai dar grande alegria e o que nos vai entristecer e fazer chorar?
Cada dia é a revelação do que ontem era futuro e que se realiza presente, hoje.
Mas tantas vezes transportamos para o presente os pesos dos dias passados, as dores, as frustrações, as vinganças e lamentações, contaminando com o olhar, com o toque, com a palavra, o novo que logo fica velho, sem viço, sem novidade e sem vida nova.
Inspira-nos, Senhor do tempo, Senhor das noites e dos dias, a serenidade para seguir em frente neste dia, atravessando a confiança e a dúvida, a alegria e a tristeza, o perdão e a culpa; inspira-nos a serenidade para seguir em frente, percebendo que esta espécie de contradição, que nos dilacera por dentro, é sinal de uma humanidade que, tacteante, caminha por si fora rumo a uma plenitude possível.
Isabel Varanda
Fonte: Rádio Renascença
+++
+++

+++

Nenhum comentário:

Postar um comentário