domingo, 28 de agosto de 2016

Jejum durante três dias pode regenerar sistema imunitário

Jejuar durante três dias leva o corpo a começar a produzir novos glóbulos brancos, mesmo em idosos. A conclusão é de um novo estudo da Universidade da Califórnia que descreve os resultados como "notáveis".
A investigação, que parece contrariar a ideia comum de que o jejum não é saudável, sugere que não comer "liga um interruptor regenerativo", que estimula as células estaminais a produzir as células que combatem as infecções.
A descoberta, acreditam os cientistas envolvidos, poderá beneficiar particularmente os doentes com sistemas imunitários comprometidos, como os que fazem quimioterapia, ou simplesmente os mais idosos.
Mas segundo Valter Longo, professor de Gerontologia e Ciências Biológicas da Universidade da Califórnia, as boas notícias não ficam por aqui: durante o processo do jejum, o organismo também descarta as partes do sistema imunitário que possam estar danificadas ou sejam ineficazes.
"Se temos um sistema [imunitário] fortemente danificado pela quimioterapia ou pelo envelhecimento, ciclos de jejum podem gerar, literalmente, um novo sistema imunitário", explica.
Durante a investigação, foi pedido aos participantes que jejuassem regularmente entre dois a quatro dias ao longo de um período de seis meses.
"Quando passamos fome, o sistema tenta poupar energia e uma das coisas que pode fazer para poupar energia é reciclar muitas das células imunitárias que não são necessárias, sobretudo as que possam estar danificadas", acrescenta o investigador. "O que começámos a reparar, tanto no trabalho com humanos como com animais, é que a contagem de glóbulos brancos desce com o jejum prolongado. Depois, quando recomeça a alimentação, as células voltam".
fonte: Visão
+++

sábado, 27 de agosto de 2016

Borututu

+++
Pode comprar-se no Celeiro.
+++
+++
O Borututu é um produto natural obtido a partir de uma planta africana (Cochelospermum Angolense) que tem propriedades preventivas e curativas. Normalmente a parte utilizada é a raíz da planta, pois é rica em quinonas, catequinas, polióis e bioflavonóides, substâncias com propriedades desintoxicantes, purificadoras e antioxidantes. Esta planta é um dos mais poderosos desintoxicantes naturais para o fígado. Protege o sistema digestivo e o aparelho urinário. 

Propriedades 
As suas propriedades estão direccionadas para o trato digestivo. Pode ser usado no tratamento ou prevenção de: 
- Colite 
- Hepatite 
- Esteatose hepática 
- Icterícia 
- Outros problemas de fígado 
- Problemas de vesícula, 
- Purificante do sangue, 
- Problemas do sistema urinário 
- Gastroenterites 
- Dislipidemias (p.e. colesterol elevado) 
- Dificuldades de digestão 
- Prisão de ventre 

O poder antioxidante atribui-lhe características protectoras em relação aos efeitos nocivos dos radicais livres. Em casos de herpes, chagas e outras afecções de pele pode ser usado para tratar os sintomas e ajudar na cicatrização. 
Recentemente, associa-se a capacidade de aliviar a sensação de fadiga.

fonte: Boa Saúde

Estoril Conferences 2017

Aqui partilho um vídeo divulgado ontem no excelente espectáculo da Cuca Roseta e da Mariza em Cascais, promovendo as Conferências do Estoril do próximo ano.
+++
+++
from Estoril Conferences 2015 Overview

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Espírito Santo

“Se tiveres o hábito de pedir ajuda quando e onde puderes, 
podes estar confiante de que a sabedoria te será dada 
quando precisares dela. 
Prepara-te para isso a cada manhã, lembra-te de Deus quando puderes 
durante o dia, pede ajuda ao Espírito Santo quando for viável fazê-lo 
e agradece-Lhe pela a orientação à noite.
E a tua confiança estará, de facto, bem fundamentada.”
Um Curso em Milagres, MP 29.5;8-10
+++

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Tens os olhos de Deus

+++

Os 8 versos que transformam a mente

Também conhecido como Lojong – Os 8 Versos para o Treinamento da MenteSua Santidade o Dalai Lama deu ensinamentos sobre os 8 versos em maio de 2006, em São Paulo. Sua Santidade diz  – “Este texto foi composto por Geshe Langri Tangpa (1054-1123), um bodisatva bastante incomum. Eu próprio o leio todos os dias, tendo recebido a transmissão do comentário de Kyabje Trijang Rinpoche.”
Os 8 versos que Transformam a Mente
1. Com a determinação de alcançar
O bem supremo em benefício de todos os seres sencientes,
Mais preciosos do que uma jóia mágica que realiza desejos,
Vou aprender a prezá-los e estimá-los no mais alto grau.
2. Sempre que estiver na companhia de outras pessoas, vou aprender
A pensar em minha pessoa como a mais insignificante dentre elas,
E, com todo respeito, considerá-las supremas,
Do fundo do meu coração.
3. Em todos os meus atos, vou aprender a examinar a minha mente
E, sempre que surgir uma emoção negativa,
Pondo em risco a mim mesmo e aos outros,
Vou, com firmeza, enfrentá-la e evitá-la.
4. Vou prezar os seres que têm natureza perversa
E aqueles sobre os quais pesam fortes negatividades e sofrimentos,
Como se eu tivesse encontrado um tesouro precioso,
Muito difícil de achar.
5. Quando os outros, por inveja, maltratarem a minha pessoa,
Ou a insultarem e caluniarem,
Vou aprender a aceitar a derrota,
E a eles oferecer a vitória.
6. Quando alguém a quem ajudei com grande esperança
Magoar ou ferir a minha pessoa, mesmo sem motivo,
Vou aprender a ver essa outra pessoa
Como um excelente guia espiritual.
7. Em suma, vou aprender a oferecer a todos, sem exceção,
Toda a ajuda e felicidade, por meios diretos e indiretos,
E a tomar sobre mim, em sigilo,
Todos os males e sofrimentos daqueles que foram minhas mães.
8. Vou aprender a manter estas práticas
Isentas das máculas das oito preocupações mundanas,
E, ao compreender todos os fenômenos como ilusórios,
Serei libertado da escravidão do apego.
As 8 preocupações mundanas são:
1. Querer ser elogiado – 2. Não querer ser criticado
3. Querer prazer- 4. Não querer dor
5. Querer ganhar – 6. Não querer perder
7. Querer ser reconhecido – 8. Não querer ser ignorado
+++


domingo, 21 de agosto de 2016

Perseguidos pela Fé

+++
19-8-2016

Roma: Estreia de documentário Perseguidos pela sua Fé


O documentário "Perseguidos pela sua Fé", que aborda o tema da perseguição de milhões de cristãos que em vários países não podem professar livremente a sua fé, estreará em Novembro em Roma e posteriormente em todo o mundo.
O filme, que está a ser realizado há mais de três anos, analisa a difícil situação religiosa que se vive em países como Egipto, Paquistão, Iraque, Síria, Nigéria, China, Tibete, Terra Santa e em algumas partes da Europa.

A Aciprensa cita a produtora Encuentro Films ao explicar que este documentário «é também um diálogo inter-religioso muito respeitador, onde entram todas as religiões, tal como disse o Papa Francisco num vídeo lançado em Janeiro de 2016: ‘Que o diálogo sincero entre homens e mulheres de várias religiões leva à paz e à justiça no mundo’».

"Por esta razão, o filme procura a reconciliação entre todos os seres humanos que habitam a Terra, apesar dos terríveis acontecimentos que estão documentados nesta história de perseguição e ódio, a fim de tornar possível uma melhor convivência entre todas as confissões e fiéis, para evitar que mais pessoas continuem a morrer por causa das suas crenças religiosas ", acrescenta o produtor.
"Perseguidos pela sua Fé" (ver aqui o trailer)foi dirigido pelo director Felipe Vazquez Maqueda e apoiado pela Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre (AIS). Recebeu também o apoio do Conselho Pontifício da Cultura do Vaticano para a sua estreia.

Felipe Vazquez viajou ao Vaticano em Julho de 2016 para entregar pessoalmente uma cópia em DVD do documentário ao então porta-voz da Santa Sé, o Pe. Federico Lombardi, que faz parte do grupo de especialistas na matéria que colaboraram com o filme e que se mostrou muito grato pela produção do mesmo.
Fundação AIS 
AIS 
+++