terça-feira, 2 de agosto de 2011

Não acorde o câncer que dorme em você



David Servan-Schreiber nasceu em França em 1961. Concluiu o doutoramento em Ciências Neurocognitivas na Universidade Carnegie Mellon, sob orientação de Herbert Simon, pai da inteligência artificial e Nobel de Economia, e de James McClelland, pioneiro da teoria das redes neu-ronais. Médico e pesquisador na área das neurociências, foi professor de Psiquiatria na Faculdade de Medicina da Universidade de Pittsburgh, onde criou e dirigiu o Centro de Medicina Complementar. Foi também um dos fundadores da delegação dos Médicos sem Fronteiras nos Estados Unidos, ao serviço da qual trabalhou em vários cenários de guerra. Com 31 anos, foi-lhe diagnosticado um tumor no cérebro com o qual viveu 19 anos, desafiando todos os prognósticos médicos. Acabou, no entanto, por falecer em julho de 2011, em França. É autor de Curar e Anticancro, que venderam milhões de exemplares e estão traduzidos em quarenta línguas. O seu último livro publicado foi Antes de Dizer Adeus. Aos 50 anos, ao enfrentar um terceiro e inoperável tumor, percebeu que tinha chegado ao fim. Reuniu-se com a família, com os amigos. E começou a dizer-lhes adeus. Foi o primeiro adeus. Agora, o autor de Anticancro diz adeus, mas em livro, aos milhões de leitores que em todo o mundo aprenderam com ele, que seguindo os seus conselhos enfrentaram a doença - e que em tantos casos a venceram. Numa obra testamento, de um homem e de um médico que dialoga corajosamente com a morte, David não pede ajuda, não se queixa. Antes pelo contrário, consola-nos, reconforta-nos, ilumina-nos com o seu infinito optimismo, a sua infinita crença no poder e resistência do ser humano.
fonte: Wook

Nenhum comentário:

Postar um comentário